top of page
  • Foto do escritorTiago Morim

Vamos conversar sobre autogestão em empresas de tecnologia?

Autogestão é um termo que se refere a uma forma de organização em que os trabalhadores têm um papel ativo na tomada de decisões e na gestão das atividades da empresa. Nesta forma de organização, os trabalhadores são responsáveis por gerenciar o seu próprio trabalho e, em alguns casos, também participam da gestão da empresa como um todo.


A autogestão pode ser implementada de diferentes maneiras, dependendo do contexto e da cultura da organização. Em alguns casos, pode envolver a criação de um sistema democrático de tomada de decisões, em que os trabalhadores participam diretamente na definição de políticas e estratégias da empresa. Em outros casos, pode envolver a delegação de responsabilidades de gestão para equipes ou grupos de trabalhadores, que são responsáveis por gerenciar seus próprios projetos ou atividades.


A autogestão é uma abordagem que pode levar a uma maior satisfação dos trabalhadores, pois lhes dá mais autonomia e responsabilidade em relação ao seu trabalho. No entanto, pode ser desafiadora de implementar, pois requer que os trabalhadores tenham a capacidade e o conhecimento para tomar decisões e gerenciar o seu próprio trabalho. Além disso, pode haver resistência de alguns indivíduos ou grupos em relação à mudança para uma abordagem de autogestão, especialmente se eles estiverem acostumados a uma estrutura de hierarquia mais rígida.


Autogestão em empresas de tecnologia


As empresas de tecnologia podem implementar a autogestão de diferentes maneiras, dependendo da sua cultura e da sua estrutura. Algumas empresas de tecnologia adotam uma abordagem de autogestão mais ampla, na qual os trabalhadores têm um papel ativo na tomada de decisões e na gestão de projetos e atividades. Outras empresas de tecnologia podem adotar uma abordagem mais restrita de autogestão, na qual os trabalhadores têm mais autonomia para gerenciar o seu próprio trabalho, mas ainda há uma estrutura de hierarquia e uma liderança clara.


Alguns exemplos de como a autogestão pode ser implementada em empresas de tecnologia incluem:


Equipes autônomas: Algumas empresas de tecnologia permitem que as equipes ou grupos de trabalhadores tenham autonomia para gerenciar seus próprios projetos ou atividades. Isso pode incluir a definição de objetivos, a alocação de recursos e a tomada de decisões sobre como o trabalho deve ser realizado.


Escalas de autogestão: Algumas empresas de tecnologia permitem que os trabalhadores escolham o seu próprio horário de trabalho ou a quantidade de trabalho que realizam, desde que cumpram os objetivos estabelecidos. Isso pode ser uma forma de dar aos trabalhadores mais autonomia para gerenciar o seu próprio tempo e trabalho.


Participação nos conselhos de administração: Algumas empresas de tecnologia permitem que os trabalhadores participem diretamente da tomada de decisões da empresa, como através da participação em conselhos de administração ou em grupos de trabalho especiais. Isso pode dar aos trabalhadores um papel mais ativo na definição de políticas e estratégias da empresa.


Em geral, a implementação da autogestão em empresas de tecnologia pode ser desafiadora, pois a tecnologia é uma área em constante mudança e pode ser difícil estabelecer uma estrutura de autogestão que seja eficaz no longo prazo. No entanto, muitas empresas de tecnologia acreditam que a autogestão pode levar a uma maior satisfação dos trabalhadores e a um ambiente de trabalho mais inovador e colaborativo.


Como nós podemos começar a aplicar o modelo de autogestão?


Existem várias maneiras pelas quais uma empresa e seus colaboradores podem incentivar a autogestão:


Forneça treinamento e suporte: Para praticar a autogestão de maneira eficaz, os funcionários precisam ter as habilidades e o conhecimento necessários. Oferecer treinamento e suporte pode ajudar os funcionários a desenvolver as habilidades de gerenciamento de tempo e organização necessárias para gerenciar o seu próprio trabalho, caso você queira começar a se auto-gerir e a sua empresa ou equipe ainda não faça isso, existem muitos materiais e cursos gratuitos que podem de ajudar nisso, além de autogestão se autodidata no que você quer é crucial, não dependa 100% de estímulos externos para se aprimorar.


Estabeleça metas e objetivos claros: Para que a autogestão seja bem-sucedida, é importante que os funcionários tenham metas e objetivos claros. Isso ajudará os funcionários a se concentrar nas tarefas importantes e a medir o seu progresso.


Ofereça autonomia e responsabilidade: Dar aos funcionários autonomia e responsabilidade é uma das principais maneiras de incentivar a autogestão. Isso pode incluir permitir que os funcionários gerenciem seus próprios projetos ou atividades, ou dar-lhes a opção de escolher o seu próprio horário de trabalho, focando em uma produtividade, mas sem esquecer compromissos pré estabelecidos, afinal se sua função atual é ser o atendimento inicial da empresa que inicia suas atividades as 08:00 horas da manhã, você tem que estar disponível neste horário para poder cumprir com os compromissos da empresa junto aos seus clientes.


Crie um ambiente de trabalho colaborativo: Um ambiente de trabalho colaborativo e apoiador é importante para a autogestão, pois incentiva a comunicação e o trabalho em conjunto entre os funcionários.


Faça parte da tomada de decisões: Permitir que os funcionários participem da tomada de decisões da empresa, como através de conselhos de administração ou grupos de trabalho especiais, pode incentivar a autogestão e dar aos funcionários um papel mais ativo na definição de políticas e estratégias da empresa. Lembrasse que os maiores conhecedores dos pontos fortes e fracos de sua empresa ou da empresa que você trabalha é o colaborador que opera e mantém o negócio, essas são as pessoas que mais podem agregar e ajudar a resolver problemas ou criar inovações e melhorias para seus clientes.


Implementar a autogestão pode ser desafiador, mas pode ter muitos benefícios para as empresas e para os funcionários. Oferecer treinamento e suporte, estabelecer metas e objetivos claros, oferecer autonomia e responsabilidade, criar um ambiente de trabalho colaborativo e permitir que os funcionários participem da tomada de decisões são algumas das maneiras pelas quais uma empresa pode incentivar a autogestão entre os seus funcionários.


Enfim, a autogestão é uma abordagem interessante e pode ter muitos benefícios para as empresas e para os trabalhadores. No entanto, é importante lembrar que a implementação da autogestão pode ser desafiadora e exigir muito esforço e planejamento. É preciso ter um ambiente de trabalho que permita aos trabalhadores participar ativamente da tomada de decisões e gerenciar seu próprio trabalho, bem como uma liderança que esteja disposta a trabalhar com a equipe para tornar a autogestão uma realidade.


A Newfront trabalha com um processo de autogestão estabelecido, todos nós, vestimos a camiseta, ou seja, aplicamos a autogestão 100% do tempo, não queremos depender de cobranças para poder efetuar nossos atendimentos, demandas e entregas. Por isso trabalhamos muito forte em proatividade, para sempre estar sabendo do que ocorre em nossos clientes, sempre focados na entrega e na qualidade dos nossos atendimentos. Por isso podemos falar que sim, autogestão funciona e pode ser usada para melhorar o desempenho e valorização do capital humano e intelectual.


Atualmente, após a pandemia, muitas empresas adotaram o modelo home office ou híbridos, que faz com que o colaborador não esteja 100% do tempo em contato direto com um supervisor, nesse momento, se destaca a necessidade de autogestão para manter o funcionamento destas empresas. Se você estiver interessado em aprender mais sobre a autogestão, existem muitos recursos disponíveis para ajudá-lo a entender como ela pode ser implementada de maneira eficaz na sua empresa, podcasts, literatura e vídeos que tem inúmeras maneiras de ajudar a iniciar o processo de autogestão, organização do trabalho e muito mais.


Tiago Morim | Especialista em Soluções de Cloud e TI | NewFront

 

Ficou interessado em saber mais, ou quer solicitar um orçamento? Entre em contato conosco que ficaremos felizes em ajudar.

19 visualizações0 comentário
bottom of page